Gestão

Fecomércio-RS se reúne com secretário de Planejamento, Governança e Gestão para tratar sobre o Piso Regional

7 de dezembro de 2017

Grupo se reuniu com secretario para discutir o piso regional

Acompanhado de representantes das demais Federações empresariais do Estado, o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn, liderou a reunião na manhã desta quinta-feira (7) com o secretário de Planejamento, Governança e Gestão, Carlos Burigo. O grupo expos a posição contrária das entidades ao Piso Salarial Regional em razão do atual contexto econômico do Estado e da impossibilidade das empresas sustentarem um reajuste desorientado que acarretaria prejuízos para a manutenção dos empregos e dos negócios. “Se politicamente ainda é inviável falarmos da extinção do Piso, pelo menos que o Governo seja coerente e conceda o mesmo percentual dado ao funcionalismo, ou seja, zero de reajuste”, reforçou Bohn.

O vice-presidente da Fecomércio-RS e coordenador do Conselho de Relações Sindicais e do Trabalho (Copersind), Ibrahim Mahmud, que acompanhou Bohn no encontro, retomou o argumento de que um reajuste fora de contexto para o Piso traria prejuízos irreparáveis para as negociações coletivas e instituição dos dissídios com os sindicatos laborais.

De acordo com o secretário Burigo, o Governo está ouvindo as partes interessadas para analisar a proposta que será enviado à Assembleia Legislativa posteriormente. Se aprovado um aumento real para o Piso Salarial Regional os novos valores passariam a vigorar a partir de 1º de fevereiro de 2018.