Newsletter

Revista Arte Sesc chega à 23ª edição

30 de maio de 2018

Publicação semestral apresenta matéria especial sobre o Festival Palco Giratório Sesc/POA e um caderno sobre os 25 anos do Teatro de Vertigem

Já está à disposição do público a versão digital da 23ª edição da Revista Arte Sesc. Iniciativa do Sistema Fecomércio-RS/ Sesc, produzida pela Pubblicato, a publicação já se tornou referência e tradição no cenário cultural do Estado. Esta edição traz como destaque artigos e reportagens que abordam o viés interseccional das dramaturgias de espetáculos do Festival Palco Giratório Sesc/POA, os processos de criação do Teatro da Vertigem e a pesquisa base para a primeira ópera sobre o chamamé do mundo, Terra Sem Males. Tem ainda o cinema regional de Tabajara Ruas, o triângulo atlântico da Bienal do Mercosul, as vozes negras na literatura e muito mais. A edição está disponível em www.sesc-rs.com.br/revistaartesesc.

Há 13 anos o Festival Palco Giratório Sesc, em Porto Alegre, proporciona atividades de incentivo à produção e consumo de artes cênicas no estado. Devido a isso, a publicação apresenta um material especial sobre os 25 anos do coletivo Teatro da Vertigem, formado pelos diretores Antônio Araújo, Eliana Monteiro e Guilherme Bonfantini, que tem uma trajetória marcada pela ocupação de espaços não convencionais. Assim também como aprofunda a questão racial apresentada em espetáculo do Coletivo Negro.

Ainda na edição, há a celebração dos 20 anos do Projeto Sonora Brasil e a apresentação da palestra “Na Pisada dos Cocos”, que introduz esta união de ritmo, dança de roda e palavra cantada que é um dos gêneros mais importantes do nordeste brasileiro. O crítico e curador da 11ª Bienal de Artes Visuais do Mercosul, Alfons Hug também assina o artigo O Triângulo Atlântico, sobre a exposição que os liga os destinos da América, África e Europa há mais de 500 anos.

A revista também aborda a mostra O Lobo à Espreita, que comemora o centenário de nascimento de Ingmar Bergman, com a exibição de filmes como “Persona”, “Morangos Silvestres” e “O Sétime Selo”. Dois contos fecham esta publicação especial. O primeiro é de Luisa Geisler, duas vezes vencedora do Prêmio Sesc de Literatura, que publica o conto inédito “Feliz Aniversário”. Já o segundo é de Natália Polsse, autora de “Amora” (2015), livro vencedor dos prêmios Ages, Jabuti e Açorianos, que apresenta o conto inédito “Amanda”.

Sobre o Arte Sesc – Cultura por toda parte – Criado pelo Sistema Fecomércio-RS em 2007, o programa reúne todas as atividades culturais desenvolvidas pelo Sesc no Rio Grande do Sul, entre teatro, música, artes plásticas, literatura e cinema. Além de promover uma intensa troca de experiências e ampliar o acesso à produção artística, o Arte Sesc busca ser reconhecido como promotor de ações culturais no Estado, sendo elas não só apresentações artísticas, mas também de caráter formativo e educacional, orientadas por três eixos: transversalidade, diversidade e acessibilidade.