Newsletter

Sondagem de Minimercados mostra que pequenos negócios de gêneros alimentícios sofreram perdas com o cenário recente

27 de abril de 2020

Pesquisa da Fecomércio-RS mostra que 65,7% dos estabelecimentos entrevistados registraram queda nas vendas desde o início da pandemia

A Fecomércio-RS divulga nesta segunda-feira, dia 27, a Sondagem de Segmentos – Minimercados. Na pesquisa, 385 empresas do Simples Nacional foram entrevistadas entre os dias 23 de março e 09 de abril de 2020. Nesta edição, a pesquisa contou com um bloco destinado aos impactos das medidas de isolamento social sobre os negócios. O segmento, considerado essencial, permaneceu aberto durante todo o período, mas os dados mostram que, ainda assim, registrou perdas.

Entre os entrevistados, 65,7%  reportaram queda nas vendas. Aproximadamente 10% dos entrevistados tiveram perdas superiores a 75% ou até fecharam. Na tentativa de evitarem perdas, 53,0% implementaram medidas para estimular as vendas ou ao menos evitar quedas. Entretanto, quase a metade não fez nenhuma alteração no processo cotidiano.  Do total dos estabelecimentos pesquisados, 16,9% afirmaram que já dispensaram ou pretendem dispensar colaboradores durante a pandemia.

No que diz respeito ao financiamento do negócio, 45,5% dos entrevistados informaram que estão utilizando de capital próprio e 10,1% já recorreram a empréstimos. “A situação do pequeno comércio é bastante crítica. Mesmo os que podem permanecer abertos sofrem com a redução da movimentação de pessoas nas cidades. É fundamental que as autoridades públicas tomem medidas no sentido de atenuar esses efeitos. Atentar para a saúde das empresas é preservar empregos e renda”, comentou Luiz Carlos Bohn, presidente da Fecomércio-RS.

Veja a Sondagem completa.