Newsletter

Como está o mercado turístico? Técnica formada pelo Senac explica sobre as tendências no setor

23 de março de 2021

Divulgação Senac-RS

É fato que o turismo foi uma das áreas mais afetadas com a pandemia da Covid-19. Segundo dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o setor empregou 3,4 milhões de trabalhadores em 2019 e faturou R$ 270,8 bilhões. Porém, com a chegada do coronavírus, entre março e agosto de 2020, 49,9 mil empresas de serviços turísticos fecharam as portas. 

Formada no Curso Técnico em Guia de Turismo pelo Senac Caxias do Sul, a consultora de viagens Vanessa Coffy relata que o mercado de turismo está constantemente em alteração com a pandemia. “Estamos conhecendo um outro perfil de turista que busca viagens regionais e locais. Além disso, os roteiros estão sendo refeitos para acompanhar essa grande transformação no turismo”, comenta a profissional.  

Cresce cada vez mais, portanto, a procura pelo turismo regional e local. Um levantamento do site Booking.com mostrou que 55% das pessoas pretendem conhecer um novo destino na região em que moram. Essa nova demanda está atrelada aos novos hábitos de consumo dos brasileiros que observam as viagens domésticas como mais seguras e rentáveis.  

Nessa perspectiva, as novas tendências para o mercado de turismo pós-pandemia são chácaras, sítios e hospedagens perto da natureza. Por isso, é necessário que a economia local esteja alinhada para receber esses visitantes. Como conta a consultora Vanessa, as grandes mudanças no ramo de turismo serão para contemplar os turistas regionais. Além disso, a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) notificou que as viagens aéreas internacionais só devem retomar ao mesmo nível de 2019 em 2023. 

Sendo assim, é importante salientar que as regras de prevenção contra a Covid-19 seguem iguais para hóspedes e funcionários do turismo local. É fundamental o uso de máscaras para atendimentos, assim como a higienização e limpeza de ambientes usados por turistas. O turismo deve garantir a segurança de quem trabalha e faz parte do ramo no Brasil.  

Técnico em Guia de Turismo EAD:

Com a duração de 12 meses, o curso Técnico em Guia de Turismo capacita o aluno a ser o profissional responsável pela recepção, pela condução, pela orientação e pela assistência de pessoas ou grupos durante traslados, passeios, visitas e viagens em âmbitos local, regional e nacional. Também prepara o aluno para informar aspectos socioculturais, históricos, ambientais e geográficos das localidades visitadas, apresentar e organizar roteiros e itinerários turísticos, considerando os interesses e as necessidades do visitante. Atualmente, o Senac está com inscrições abertas para o curso, que inicia no dia 5 de abril, nas escolas de Caxias do Sul e de Vacaria. Mais informações podem ser obtidas pelo Whatsapp: 54 99268-9907 (Caxias do Sul) ou (54) 99174-3852 (Vacaria).